AGRO É POP. MINÉRIO É TUDO.

Marketplace da mineração coloca em contato agricultores e mineradoras

Apesar das crises econômica e pandêmica, o agronegócio brasileiro segue apresentando resultados positivos, acima do patamar se comparado a outros setores da indústria. O segmento hoje é uma das principais atividades produtivas do país e corresponde a mais de 20% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional — e poderia ser mais bem sucedido se fosse autosuficiente.

Sabe-se que os recursos minerais utilizados na fabricação de fertilizantes, os conhecidos agrominerais, são essenciais para o manejo da terra, desde a adubagem até a correção e renovação do solo. Segundo levantamento da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), temos um grande potencial nessa seara: Cerca de 20% do território brasileiro contém agrominerais e 80% da agricultura extensiva pode ser beneficiada por meio de sua utilização — no caso das terras sulistas, o percentual salta para 100%.

Se a parceria com a mineração tivesse seu potencial explorado, ela poderia não apenas otimizar a produção, mas também garantir mais lucratividade ao melhorar de forma substancial os indicadores da balança comercial. Isso porque, apesar do país ser o 3º maior exportador de produtos agrícolas, ainda importa-se 75% dos fertilizantes utilizados no cultivo de grãos, o que aumenta consideravelmente o custo. Para se ter uma ideia, 55% do fosfato — um dos insumos mais utilizados — e 96% do potássio são traduzidos do exterior.

Além disso, outros benefícios são apontados por especialistas na utilização de remineralizadores. Eles poderiam assegurar procedimentos menos danosos à natureza, evitando a contaminação de pessoas e animais — uma exigência cada vez mais presente no comércio internacional.

Apesar de todos os prós, ainda continua-se a apostar em modelos mais onerosos e agressivos ao meio ambiente e a explicação para isso fundamenta-se na necessidade de investimento em pesquisa e de maior desenvolvimento da cadeia produtiva da mineração. Uma das dificuldades citadas por agricultores é a de que os agrominerais, por serem transportados na forma de pó, assumem grande volume, o que torna a logística problemática em situações em que a mina encontra-se em um raio maior que 50 km de distância.

Essa situação poderia ser resolvida por meio da tecnologia. Produtores têm dificuldade em fazer pesquisas de preços em tempo real, deixando de pagar mais barato por insumos que, muitas vezes, estão em localidades próximas. A falta de informação e de instrumentos acaba custando caro.

Por isso, um ambiente digital que coloque em contato direto o minerador e o agricultor seria de grande valia, convertendo-se em uma ferramenta poderosa para que fornecedores aumentem suas margens de lucro.

É exatamente dessa convicção que nasce o produto da Minery: o nosso marketplace de mineração. A partir de uma plataforma totalmente online, ela apresenta, em alguns cliques, fornecedores a compradores de minério. Isso significaria o surgimento de um fluxo de vendas georreferenciado, constante e estável quando cada centavo faz a diferença.

É sintomático que esses gigantes industriais, que garantem a presença do Brasil entre as principais economias do mundo, ainda conversem tão pouco. A inovação poderia oferecer o que já é feito em outras áreas, com destaque para o setor de serviços: aproximar quem tem interesses em comum e que, se dependesse das antigas metodologias, talvez nunca se encontraria.

O agronegócio não é pop à toa, e as razões já estão suficientemente levantadas neste artigo. Basta que a gente entenda que o minério também é tudo e que, sem ele, tampouco aproveitaremos as oportunidades de alavancar o desenvolvimento da agricultura brasileira ao se estruturar o seu processo produtivo em solo nacional, evitando importações desnecessárias.

Empreendedores dos dois setores têm conseguido um trunfo: performar bem em meio ao momento apocalíptico que o mundo passa, fato que os tornam alicerces fundamentais de uma economia que sofre com a instabilidade. Por isso, construir soluções articuladoras pode ser algo além da disrupção: nos arrancaria da incerteza para uma era de abundância.

Viemos para desafiar o sistema. Nascemos com o propósito de transformar o mercado de mineração global.

Viemos para desafiar o sistema. Nascemos com o propósito de transformar o mercado de mineração global.